Servos e ESCs

Os servos são pequenos motores com circuito eletrônico que, comandados pelo receptor de rádio, movem pequenos braços que acionam varetas (links) que comandam as superfícies móveis do avião.

Os servos são divididos em diversos tamanhos. Os que interessam para modelos elétricos são:

  • Standard: Pesam mais de 40 gramas cada, e são usados pela maioria dos modelos a explosão e pelas asas Zagi e similares; São muito grandes e pesados para modelos modelos elétricos, mas podem ser utilizados perfeitamente para modelos maiores. Sua maior vantagem é durabilidade e baixo consumo para o torque gerado;
  • Mini: Entre 20 e 40 gramas, são ligeiramente menores que os Standard;
  • Micro: Pesam abaixo entre 10 e 20 gramas, podem ser usados em alguns projetos de modelos elétricos, dependendo do tamanho do avião e das características de construção;
  • Submicro: São divididos em Pico e Nano, ambos abaixo de 10 gramas, usados pela maioria dos modelos elétricos e pequenos planadores.

Nos modelos a explosão um dos servos tem a função de acelerador e controla a abertura da borboleta do carburador. Nos aeromodelos elétricos esta função foi assumida pelo ESC (Electronic Speed Control), também chamado de "Speed Control".

As principais funcionalidade que o ESC são:

  • Controlar a potência do motor
  • BEC - Battery Eliminator Circuito: fornece alimentação para o receptor, evitando a necessidade de uma bateria separada;
  • Cut-Off: interrompe o fornecimento de energia para o motor quando a bateria estiver abaixo de um certo nível. Para uso com baterias LiPo (Lithium Polymer), o Cut-Off deve ser acima de 6V. Algumas pessoas perceberam em testes que nem sempre é necessária esta preocupação, porque na maioria dos modelos o motor fica muito fraco para manter o vôo antes da atuação do Cut-Off, obrigando o piloto a pousar;
  • Break: em motoplanadores com hélice dobrável é necessário que o motor seja freiado para que a hélice se feche. Esta função coloca os dois pólos do motor em curto, fazendo-o parar de girar, quando a potência é cortada;
  • Nome e versão de firmware: com a popularização de multimotores surgiram programas (firmwares) específicos para finalidades definidas. Normalmente estes programas aceitam parâmetros extendidos como atualização mais rápida, comunicação serial, etc. Um firmware gratuíto e por isto mesmo bastante popular é o SimonK.

Todos os fabricantes têm diversos modelos de speed control, com diferentes características, mas as principais são a tensão e a corrente máxima e peso.

Quando este artigo foi escrito em 2005 o mais comum era Speed Control para 8A com motor com escovas como o ICS-300 da GWS é uma boa opção com um bom preço, se não houver necessidade de um Cut-Off para baterias LiPo.

Enquanto reviso, em 2015, praticamente não existem mais motores e ESCs com escovas e o normal é usar ESCs de 15A a 30A para motores sem escova.