Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Aqui colocamos as fotos da construção de nossos modelos.

Moderadores: Paulinho, Alvaro Sala, benites

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 28 Mai 2017 11:03

O drive calc tem atualizações, no meu tem praticamente todos os motores que tem aqui no Brasil para vender.
Se o seu drivecalc não está atualizando sozinho quando abre, dê permissão a ele no firewall do windows para ele poder atualizar sozinho, mas dá para atualizar no site http://www.drivecalc.de

Ele atualiza motor, esc, hélice e bateria.


Detalhe, abri o meu drivecalc agora e mandei ele abrir como administrador e ele fez a atualização automática.
Execute o seu drivecalc como administrador sempre para ele atualizar sempre que tiver algo novo, assim você terá uma lista enorme de motores, esc, hélices e baterias de várias maras e modelos.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 29 Mai 2017 07:40

Entendi. No meu caso é o eCalc que altera a lista, creio que por ser pago ele restringe o acesso e não disponibiliza todos os motores ao mesmo tempo. Vou ver pelo DriveCalc o que rola.

O motor que mencionei é o Emax MT3510 600Kv, com peso em torno de 102g (contra 70g de um GT2215-09), mas em compensaçao foi o que me deu melhores resultados em teoria (na prática pode ser diferente). Apenas confirmando, o "teste" foi feito com LiPo 3s 3700mAh 30C, Esc 30C, GWS 9x7 Tripá, e peso médio do aero RTF de 650g, com os seguintes resultados:

Autonomia de vôo prevista: 42 minutos
Potencia elétrica: 76,4W
Temperatura: 34°C
Peso-Empuxo: 0,97:1
Velocidade de passo: 63Km/H

PS: Me desculpem, agora que reparei que devia ter postado isso no outro topico, sobre Helice Bipá vs Tripá, se algum administrador/moderador puder mover as mensagens pra lá ficarei grato.

Imagem grande http://i.imgur.com/g5Jzt4n.png
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 29 Mai 2017 09:24

Você está usando motores super potentes para esse modelo.
Se vai pesar 700 g, um emax 2822 daria conta do recado e até mesmo um 2215 20 daria conta, motores bem mais leves, consomem menos e te deixam mais tempo de voo com uma bateria 2500 ou 2800 mA sem precisar usar baterias muito pesadas.
Chega um ponto em que bateria maior só te dá peso e mais nada.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 29 Mai 2017 09:59

Então, Laércio, todos os dias tenho mesclado diversas configurações de baterias, esc's e motores, alternando também o peso do aeromodelo entre 650 e 750g, e de acordo com o que haviam me falado antes (sobre motores com menor Kv com helices tripá), foquei nos motores com menos de 1200Kv.

Aliás, usando o MT3510 + Lipo 3S 3700mAh, parece ter ficado melhor que usando bateria 2s 3700mAh + Emax CF2822. Posso ter deixado algo passar despercebido, ou estar com uma percepção equivocada.

MT3510: Imagem grande: http://i.imgur.com/Fy99kA8.png
CF2822: Imagem grande: http://i.imgur.com/92PPnAw.png

Conforme uma dica que você me deu anteriormente:

Diego Costa escreveu:Fiz o que sugeriu, alterando as seguintes especificações:

Estava assim:

Peso médio do aero: 750g
Motor: Emax GT2820-06 (985Kv)
Esc 40A
Bateria Lipo 3s 3700mAh 35/50C
Helice GWS Tripá 9x7

E ficou assim:

Peso médio do aero: 750g
Motor: Emax GT2820-06 (985Kv)
Esc 30A
Bateria Lipo 2s 4200mAh 35/50C
Helice GWS Tripá 9x7

As diferenças de resultados obtidas foram:

Potencia Elétrica: Caiu de 320W para 94W
Carga caiu de 7,7C para 3,1C
Peso-Empuxo caiu de 2,19:1 para 0,96:1
Velocidade de passo caiu de 103Km/h para 69Km/h

Em contrapartida:
Temperatura caiu de 52°C para 37°C
Autonomia prevista de vôo (média) aumentou de 18,5 minutos para 25,7 minutos.


O que notei é que com motores de maior Kv, usando uma 2s, as vezes o peso-empuxo e velocidade de passo ficam muito baixos, e se colocar uma 3s os valores sobem absurdamente, principalmente aquela mensagem que mencionei:

"O fluxo de ar na pá da hélice vai estolar. Portanto o empuxo estático e a corrente máxima não serão alcançados. Em solo, você medirá *Empuxo de estol* como máximo."
"- 7.3km/h / 4.5mph - acima desta velocidade aerodinâmica, o estol na pá do propulsor desaparecerá."

Por esse motivo talvez eu esteja "superdimensionando" o motor, mas pelo fato de realizar os testes com uma Tripá 9x7 a diferença de resultados entre motores diferentes, bem como a utilização de Lipo 2s ou 3s, dá uma diferença enorme no resultado final. Então estou buscando configurações que mantenham os resultados proximos do que foi obtido com a configuração destacada em negrito na citação acima (com GT2820-06).

PS: Tem também o problema do eCalc mudar a lista de componentes disponiveis, então no momento do teste com o MT3510 busquei baterias de até 30C, entre 2200 e 4000mAh, alternando o numero de células, e a "única" disponivel foi essa de 3700mAh, por isso tenho utilizado o eCalc todos os dias, pra ver se surgem possibilidades de configuração que não estavam disponiveis antes.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 29 Mai 2017 12:38

Acredito que você esteja se deixando levar pelo empuxo.
Se o seu modelo pesar 750 g, poderá ter um empuxo de 750 x 0,45 = 337,5 g para voar muito bem.
Tem que ver no 4rccalc que velocidade suas asas e peso precisam para voar bem.

Primeiro insura os dados no rccalc para saber que velocidade seu modelo precisa.
Vamos supor que o rccalc te de uma velocidade ótima de 42 km/h, sendo assim, todos os testes que voce fizer no drive calc e te der velocidade acima de 50 km/h e empuxo acima de 400 g estará muito ótimo.

Mas não esqueça que se colocar uma bateria de 380 g, terá que contar esse peso para o voo final.

O empuxo correto para esse tipo de modelo é no mínimo 33% ou 1/3 do peso total. Sendo assim, se tiver 750 g o empuxo mínimo teria que ser 750 x 0,33 = 247,5 g.
Te dei uma boa margem em 337,5 e mais ainda em acima de 400 g, por tanto, não se desespere com empuxo igual ou maior que o peso do modelo.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 29 Mai 2017 12:56

Agora estou entendendo melhor. De fato estava me deixando levar pelo empuxo, ainda mais que "graficamente falando" o eCalc mostra que relação peso-empuxo abaixo de 0,80:1 começa a entrar na "zona amarela", dando a entender que não seria uma relação muito boa. Vou tentar cruzar os dados de ambos, talvez consiga um setup que fique no "meio termo", sem faltar e nem sobrar.

Aproveitando pra tirar outra dúvida: muito se fala sobre "reforço excessivo" onde não há necessidade. Pois bem, lendo topicos sobre construção de aeros "Sticks", me lembro de ter visto alguem fazer horns com cartão de crédito, mas imaginei que dependendo do caso a força do ar no leme/aileron/profundor poderia fazer a peça rasgar o iopor/depron. Seria um reforço desnecessario aplicar dois pequenos pedaços de vareta de fibra de vidro, uma em cima e outra embaixo na região onde o horn ficará preso?

Estou lendo bastante os topicos sobre construções em geral, mas tenho cisma que meu excesso de cuidados com os reforços acabe me tendenciando a cometer esse tipo de erro.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 29 Mai 2017 17:12

Colocar ou não as varetas não vai fazer diferença, pois se os horns de cartão rasgarem o lemew e o profundor, não serão as varetas que irão evitar isso.
Para você entender o que é arrasto, que é o que a maioria acho que não entende.
Arrasto é a resistência que o aeromodelo tem para vencer a barreira do ar.
Faça um teste com a sua mão fora da janela do carro com ele andando.
Abra a mão com os dedos juntos e deixa a palma da mão contra o vento.
Verá que tem uma força do vento querendo empurrar a sua mão para trás.
Agora aponte todos os dedos para frente e veja que o ar não tem mais tanta força para empurrar a sua mão para trás.
Isso é por que você diminuiu o arrasto que a sua mão estava tendo contra o vento com a palma voltada para a frente.
O mesmo acontece com os aeromodelos, se a aerodinâmica deles for ruim, terão mais resistência em passar pelo ar, mas ao jogar o aeromodelo você sente o ar empurrando ela para trás?
Se você sair correndo com o aeromodelo na mão só sentirá uma leve pressão do ar sobre o modelo e essa leve pressão é o arrasto dele e o empuxo do motor só tem que vender esse arrasto, mais nada.
O que faz o aeromodelo sair do chão são as asas e não o empuxo do motor, pois se fosse o empuxo, pra que ter asas? Poderia ter somente os estabilizadores para o modelo seguir em linha reta igual flexa e poderia fazer as curvas somente com o leme.
Para que as asas então se é o empuxo que faz o modelo voar?
Para você ver como muitos fazem as coisas com bases erradas.
Você acha que um 747 tem empuxo naquelas turbinas igual ou maior que o peso total do avião?
Então por que ele voa?
Por que as turbinas tem empuxo superior ao arrasto do avião e gera velocidade suficiente para que as asas gerem sustentação superior ao peso total do avião.


Eu não uso o e-calc por causa disso, muita informação contraditória.
Uso mais o drive calc que a meu ver, é mais preciso e confiável.
Ele te dá informações e você é que analisa os resultados e compara com o seu modelo, ele não te sugere nada para não te dar falsa resposta.
O e-calc sabe exatamente que modelo você está usando?
Cada tipo de modelo tem especificações diferentes de voo e um caça escala tem características de voo bem diferentes de um treinador asa alta.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 29 Mai 2017 19:18

LaercioLMB escreveu:Eu não uso o e-calc por causa disso, muita informação contraditória.
Uso mais o drive calc que a meu ver, é mais preciso e confiável.
Ele te dá informações e você é que analisa os resultados e compara com o seu modelo, ele não te sugere nada para não te dar falsa resposta.
O e-calc sabe exatamente que modelo você está usando?
Cada tipo de modelo tem especificações diferentes de voo e um caça escala tem características de voo bem diferentes de um treinador asa alta.


Obrigado pela paciencia em explicar tudo isso, Laércio, adoro suas aulas hahaha

Falando especificamente sobre o que destaquei de seu post acima, foi exatamente o que notei no eCalc. Você mencionou que, pra um aero de 750g de peso total, um empuxo de + ou - 340g ja seria suficiente, enquanto no eCalc essa informação é tida como "satisfatória" (ou menos). E mais: de acordo com o RCCalc, utilizando os dados do meu Cessna, mostra a Velocidade de Stall em 24Km/H, Velocidade de Planeio em 28Km/H, e Velocidade Segura de 35Km/H.

Isso calculando com peso médio do aero em 700g, corda média de 19cm, Area da Asa em 20,9dm², e Carga Alar em 33,5g/dm². Inclusive esses numeros batem com os obtidos nos calculos feitos através do artigo sobre Asas aqui do site.

Mas usar esses mesmos dados no eCalc mostra uma situação bem divergente, por exemplo, a velocidade "segura" do aeromodelo no RCCalc é 35Km/H, enquanto no eCalc uma velocidade de 58Km/H é tida como "inadequada", mesmo estando 66% acima da Velocidade Segura. Já percebi que nada é tão "simples" quanto pareçe, embora não seja nenhum bicho de sete cabeças, vou ter que estudar mais um bocado pra não botar o projeto por água abaixo.

Sobre o reforço no horn, pensei da seguinte forma: abrir um pequeno sulco em cima e embaixo do aileron/profundor, inserir o horn na posição, e inserir as varetas nesses sulcos transpassando o horn, travanco-o no local (de modo a distribuir o ponto de contato do horn com o isopor que receberá o esforço pelo movimento). Seria um equívoco, ou mesmo exagero, de minha parte?

Na imagem abaixo, Preto é o "Horn", amarelo é a vareta, e azul o aileron/profundor.

PS: Na visão por cima o risco azul no "meio" do aileron ficou exagerado, seria o sulco onde a vareta ficaria, mas não farei desse jeito indo de ponta à ponta, e sim apenas um sulco de +/-3cm, o suficiente para acomodar a vareta apenas.

Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 29 Mai 2017 23:00

Note que no rcccalc você coloca o tipo de perfil usado na asa, tem que aproximar o número de reynolds com o número da polar.
Logo que selecionar uma polar, os reynolds irão aparecer e te dar opções. coloque o número de reynolds o mais perto da polar e verá que vai mudar dados e novamente procure polar e reynolds o mais próximo um do outro até que não tenha mais opções, isso você muda umas 3 vezes no máximo.
O e-calc sequer te pede perfil de asa?
Então baseado em que ele vai te dar velocidade?
Eles devem usar uma constante para isso, mas cada tipo de perfil tem velocidade de voo diferente e para dar mais perfis para o rccalc, procurte na internet por airfoil.dat que são tipos de perfil que poderão ser colocados no rccalc para te dar mais opçoes de escolha e os airfoil.dat você salva na pasta airfoil do rccalc e pronto.
Poxa, você foi o primeiro que viu que dados não batiam e correu atrás para saber o motivo. A maioria insere dados e que se dane de onde vem os resultados, mostrou, tá certo.
Na internet temos que aprender a filtrar o que encontramos e já vi muita calculadora de CG dando informação errada e o pior, gente afirmando que não importa o tamanho e proporções da fuselagem, o CG vai ficar a 1/3 da corda da asa e pronto, que se dane o resto.
Discutir como com gente assim?
Se o cara me provar com cálculos de CG e CP, incluindo FC (força de cauda para baixo) que o CG de todas as asas fica a 1/3 da corda eu fico quieto e aceito a aula, afinal, também estou aprendendo, fora isso, só lamento.


Sobre o reforço da vareta, é eficaz sim, mas tem que ver quanto de força o horn com cartão irá suportar.
O bom é fazer um horn e com ele fixado em algo firme como se estivesse no leme, puxar algo com 2 kg. Se não entortar, vai aguentar o tranco, caso contrário, não use.
A força do ar sobre as supefícies de comando de leme e prondor, incluindo ailerons, dependendo da área de comendo e da velocidade do modelo, pode passar de 2 kg facilmente. e para isso existe um cálculo de pressão sobre esses comandos para se escolher o servo correto, pois servos de 9g não são universais como a maioria prega aqui que em qualquer modelo, servo de 9 g está ótimo.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 30 Mai 2017 08:03

Bom dia, Laércio.

De fato, pesquisando topicos antigos sobre calculo do CG já vi algumas debates meio "acalorados" sobre o assunto, e muita informação equivocada também, inclusive isso me gerou algumas duvidas, que perguntarei mais abaixo. Sobre a utilização dos servos 9g, talvez utilize no Cessna, mas no Piper que é maior (e consequentemente tem maior área de comando) ja fico meio cabreiro, mesmo que ele tenha um vôo mais lento.

Quanto a utilizar cartão de crédito como horn, abandonei a idéia, ele é bem maleavel, tem muito "movimento lateral", mesmo que não rasgue o isopor/depron tem o risco de o proprio horn quebrar, então melhor fazer direito e não "improvisar" rsrsrs

Minha duvida sobre o CG é o seguinte. O Cessna tem duas seções em cada semi-asa, sendo da "raíz" até metade da asa o formato retangular, e da metade até a ponta formato trapézio. Li que nesses casos o CG deve ser calculado pela corda média. A calculadora de Carga Alar, do artigo sobre Asas, pede pra inserir a corda da raíz (21,5cm) e da ponta (16cm), e utilizando esses numeros me informa uma média simples de 18,8cm de corda.

Para o Cessna é correto fazer essa media simples? Ou devo calcular a corda da seção trapezoidal de outro modo, para depois calcular a corda média da semi-asa?

Não sei se entendi direito, mas tenho essa duvida pelo seguinte motivo:

Corda na Raíz: 21,5cm
Corda na Ponta: 16cm
Corda média (21,5 + 16cm) / 2 = 18,75

Ou

Corda na primeira seção: 21,5
Corda segunda seção: (21,5 + 16) / 2 = 18,75
Corda média: (21,5 + 18,75) / 2 = 20,12cm

Sendo assim, qual seria o calculo adequado a se utilizar nesse caso? Ou ambos estão incorretos?

PS: O RCCalc só permite colocar numeros inteiros no campo "Corda Média", então tenho feito os calculos nele arredondando a corda média pra 19cm, que fica no meio termo dentre os dois calculos acima. Isso me gerou duvidas também quanto ao calculo da Área Alar. Descontei os 10cm que ficam sobre a fuselagem e portanto não contabilizam na área alar, mas tenho duvidas se devo contabilizar ou não a area do estabilizador horizontal.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 30 Mai 2017 11:39

Arredonde sempre para baixo para te dar margem segura de voo.
Sobre a corda média, teria que ver a corda média da seção trapezoidal e tirar os 33% dessa corda, ver onde fica os 33% da seção retangular, verá que terá duas linhas na asa e terá que usar o meio dessas duas linhas para verificar o CG, mas aí vel aquela história de que esse CG de 33% ou 1/3 só é válido se a construção seguir as proporções corretas que são de momento de nariz 1X a corda, momento de cauda entre 1,5x a 1,7x a corda, área do estabilizador a 22% da área da asa e por aí vai.
O correto é você cmeçar a ajustar o CG desse modelo com 28%.
Como assim? Não vai ficar com o CG adiantado?
Não existe CG adiantado, o ponto de equilíbrio de um aeromodelo sempre será no mesmo lugar e não muda.
Como se ajusta o CG de um aeromodelo à combustão?
Se faz com o tanque vazio justamente para que quando o tanque esvaziar não fique com peso de cauda e quase que incontrolável.
O que significa isso?
Que quando você enche o tanque do aeromodelo ele fica com muito peso de nartiz e isso impede ele de voar? Nem um pouco, voa muito bem.
Por isso é que sempre em elétricos quando não temos o ponto de equilíbrio dele, começamos com 25% aproximadamente, pois isso simula tanque cheio e você lá em cima, tire acelerador e veja se ele continua planando ou tende a baixar o nariz. Se tender a baixar o nariz, afaste o CG dele um pouco mais atrás e pode ir fazendo isso de 1% em 1% que não vai te dar problemas até o ponto em que você note que ao acelerar ele tende a levantar muito rápido o nariz, isso significa que você colocou o CG dele muito para trás e terá que voltar, mas se ao retirar oa celerador e ele planar bem, descendo gradativamente a medida que a velocidade diminui, significa que esse é o CG correto desse modelo, por isso essa de ficar mudando a bateria de lugar não ajuda muito, poisnão muda somente o ponto de equilíbrio do modelo, já que muda a massa (peso) dele em determinados pontos.
Eu costumo colocar a bateria onde vai o tanque dos modelos à combustão, afastando ela um pouco para trás para simular um meio tanque contínuo e os servos procuro sempre colocar no centro da corda da asa, pois servos muito para trás atrapalham muito o equilíbrio do modelo.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 30 Mai 2017 13:14

Obrigado pela dica do posicionamento dos servos, me lembrarei disso quando for concluir a montagem. Sobre a bateria, lembro de ter visto aqui mesmo no forum um esquema que fizeram com um pequeno pedaço de velcro, de modo que possibilite a fixação da bateria, mas também move-la caso o aero fique com muito peso de cauda ou de nariz, até acertar o CG. Tenho um pouco de "TOC" (Transtorno Obsessivo Compulsivo), então pensei em deixar a bateria centralizada na fuselagem, na "barriga" do avião, alinhando com o ponto do CG, e assim verificar o alinhamento. Já li em outros topicos que o ideal não é deixa-lo perfeitamente "reto", mas sim com o nariz voltado levemente para baixo.

No momento estou trabalhando no trem de pouso do aero, com duas "chapinhas" bem leves de aço inox, com 7g cada, nada definitivo ainda, é só um teste, mas elas tem boa capacidade elástica aguentam uma boa carga sem deformar. Se der certo informo por aqui ;-)

Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 30 Mai 2017 13:40

Exato, nariz sempre levemente para baixo, pois te dá a certeza de que não terá peso de cauda em voo.
Eu já pilotei com um aeromodelo com peso de cauda e olha, tive que fazer ele cair o mais baixo possível para não quebrar nada e em cima de um mato de capim, pois não tinha cristo que mantivesse ele voando razoavelmente bem.
Dois erros.
Primeiro, CG imaginavel a 1/3 da corda quando na verdade é de 26% ou 27% não lembro exatamente agora.
Segundo, velcro na bateria, ao fazer o primeiro pouso forçado a bateria deslocou e eu não fiz o check list antes do segundo voo, resultado, bateria mais para trás e foi o que te falei, horrível de pilotar.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 30 Mai 2017 13:47

Olhando os topicos antigos sobre calculo de CG,eu vi o video que você postou da "tragédia" hahaha. Isso porque era um piloto experiente pilotando, se fosse eu ja teria lenhado na primeira :-P
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 31 Mai 2017 12:53

Aquele vídeo era somente o CG colocado a 1/3 da corda, a bateria estava no lugar correto.
Esse modelo do vídeo por ter um momento de nariz muito curto, típico de modelo da época, eu poderia muito bem ter feito ele proporcional já que é um aeromodelo, mas não, tive que seguir a planta e fazer ele proporcional em tudo e o resultado?
Vários ajustes para ele poder voar bem, incluindo o ponto de equilíbrio dele que não era e nunca foi a 1/3 da corda da asa e olha que tem pelo menos uns 150 g de lastro no nariz do aeromodelo, lastro esse feito com aqueles chumbos de balanceamento de rodas de liga leve.
No vídeo acredito que se possa ver o que é voo com peso de cauda.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 01 Jun 2017 23:26

LaercioLMB escreveu:Se o seu modelo pesar 750 g, poderá ter um empuxo de 750 x 0,45 = 337,5 g para voar muito bem.

Primeiro insura os dados no rccalc para saber que velocidade seu modelo precisa.
(...) sendo assim, todos os testes que voce fizer no drive calc e te der velocidade acima de 50 km/h e empuxo acima de 400 g estará muito ótimo.

O empuxo correto para esse tipo de modelo é no mínimo 33% ou 1/3 do peso total. Sendo assim, se tiver 750 g o empuxo mínimo teria que ser 750 x 0,33.


Bom, deixei um pouco os calculos de lado e fui adiantar mais uma parte da montagem. Mas, enfim, voltando aos calculos, creio que o CF2822 seja a melhor opção, pra não ter falta mas também não sobrar muito, e ainda ter um vôo tranquilo. Creio que estou no caminho certo graças a ajuda de vocês, e talvez até já compre 2 motores, visto que vou usar o mesmo em ambos, então enquanto não uso o motor do Piper deixo ele de reserva caso o do Cessna dê problema rsrsrs

Extrapolei no peso do aero, mas considerando o "empuxo ótimo" de 45%, e o "mínimo" de 33%, creio que ambos ainda estão dentro do esperado se analisarmos que arredondei os "numeros pra baixo", ou seja, na prática poderá ficar ainda melhor, principalmente se conseguir deixar o peso final abaixo do utilizado nos testes.

Utilizando a calculadora do artigo ASAS aqui do site pra confirmar se os dados estavam corretos, cheguei às seguintes conclusões

CESSNA 182:

Peso previsto: 850g
Envergadura 1100mm
Área Alar: 20dm²
Carga Alar: 40dm²
Vel. Stall: 27Km/H
Vel. Planeio: 32Km/H
Vel. Segura: 38Km/H
Motor Emax CF2822
Hélice GWS 9x7 Tripá
Bateria 2s 4000mAh 20C
ESC 20A
Empuxo Estático: 460g
Peso-Empuxo @ 0,33:1: 280g
Peso Empuxo @ 0,45:1: 382g
Top Speed: 62Km/H

Piper J3:

Peso previsto: 1200g
Envergadura 1400mm
Área Alar: 34dm²
Carga Alar: 35dm²
Vel. Stall: 25Km/H
Vel. Planeio: 29Km/H
Vel. Segura: 36Km/H
Motor Emax CF2822
Hélice GWS 10x6 Bipá
Bateria 2s 4000mAh 20C
ESC 20A
Empuxo estático: 550g
Peso-Empuxo @ 0,33:1: 396g
Peso Empuxo @ 0,45:1: 540g
Top Speed: 59Km/H


Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 03 Jun 2017 16:56

Atualizando informação:

Meu Cessna, por enquanto, está com +/- 260g, ja considerando o trem de pouso. Ia fazer em "PVC com recheio de depron e alma de arame de guarda-chuva", mas apenas o recheio de depron com varetas de fibra de vidro já deixou-o firme o suficiente.

Verifiquei o peso, e por enquanto o trem de pouso está com apenas 28g. Peguei um cano de 1 polegada e meia, cortei "tiras" de +/- 1.5cm, moldei as dobras usando um isqueiro pequeno (o PVC fica bem maleavel com pouco calor). Como essas tiras ficam "curvas" devido à circunferencia do cano, ao coloca-las uma contra a outra, fica um espaço vazio. Então cortei tiras de depron, fiz um sulco no meio delas e coloquei uma vareta de fibra de vidro, conforme a imagem abaixo. Ao colar as duas partes as varetas ficam "paralelas" provendo maior rigidez ao conjunto, igual ao que ocorre ao colocar varetas paralelas em asas (por exemplo).

PS: As varetas não seguem os angulos mais "agudos" das curvas do trem de pouso, então, embora a tira de PVC seja feito de uma peça unica (cada metade), as tiras de depron + varetas tiveram que ser seccionadas, porém não houve comprometimento da rigidez de modo geral.

Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 05 Jun 2017 13:09

Comando do profundor, seguindo o sistema proposto no tópico do Antonio Carlos sobre Linkagem de Ailerons
Para as "dobradiças" fiz pequenos cortes horizontais no estabilizador e profundor, e inseri tiras de filme plasstico de "peles de bateria". As peles de bateria são feitas de um material semelhante ao de garrafa PET, porém mais fino e flexível.


Prévia do aero


Prévia do trem de pouso


Peso do trem de pouso "pronto" (faltam as rodas, obviamente).


Apenas para ir testando o aeromodelo, adquiri um "mega combo" na AMB Aeromodelos, que vem com Motor CF2822, bateria, carregador, servos e muitos outros acessórios (não sei se pode postar link aqui, mas quem quiser mais detalhes posso passar em privado). O Alexandre foi muito atencioso e ágil, agora é só aguardar a chegada do setup. Futuramente, se necessário, farei alguns upgrades.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 07 Jun 2017 22:21

Refazendo o trem de pouso, achei que o outro ficou muito alto e "fechado".



Fazendo o "recheio" de depron e varetas de fibra de vidro.



Prévia do novo trem de pouso. Enrolei fita isolante pra manter bem preso enquanto a cola seca.



Também dei um jeito na triquilha.



Ah, chegaram ontem: Turnigy 9X + 1 par de helices 9x7 e 1 par 9x5.
De acordo com o site dos Correios, o combo que adquiri na AMB Aeromodelos chegará provavelmente amanhã.
Confesso que estou ansioso, ainda não me sinto seguro pra fazer o primeiro vôo, mas quero ver se até o fim de semana já deixo ele pronto.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 07 Jun 2017 23:35

O outro estava certo, você é que tqalvez estivesse tentando fazer curvas muito rápidas na pista.
Trem de pouso muito largo cria tendências no voo já que o arrasto das rodas está mais fora do eixo da fuselagem.
Aquelas polainas não estão muito aerodinâmicas para fazer o trabalho na qual foram projetadas, pois não são só para cobrir as rodas.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 07 Jun 2017 23:49

Entao, Laercio, olhano fotos de Cessnas na net vi que o trem de pouso nao tem um angulo muito acentuado, alem de ser mais baixo e proximo à fuselagem. O primeiro ficou com 11cm só de base, cortei pra dicar com 7cm, mas ficou fragil na emenda.

Aí resolvi fazer de novo um inteiriço encurtando as medidas, e embora pareça que o atual esta mais largo, ele apenas esta com angulo menor nas curvas .

As polainas ainda nao foram trabalhadas, por isso estao assim, estou esperando receber o combo (com as rodas inclusas) pra ver como ficará o conjunto montado, se as rodas ficarão justas, ou se farei novas polainas com medidas diferentes.
Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 08 Jun 2017 00:00

Ok.
Pelas fotos parecia estar mais largo o trem de pouso.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 08 Jun 2017 13:33

LaercioLMB escreveu:O outro estava certo, você é que tqalvez estivesse tentando fazer curvas muito rápidas na pista.
Trem de pouso muito largo cria tendências no voo já que o arrasto das rodas está mais fora do eixo da fuselagem.
Aquelas polainas não estão muito aerodinâmicas para fazer o trabalho na qual foram projetadas, pois não são só para cobrir as rodas.



Bom, Laercio, refiz o trem de pouso, mas usando curvas com angulo mais aberto achei que ficou relativamente largo, até pensei em reduzir um pouco mais a largura. Também retrabalhei as polainas, mas não sei se ficaram boas, não sou muito bom em "arredondar cantos" manualmente com lixa. Alguma sugestão? Ou está aceitável?


Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:

Avatar do usuário
LaercioLMB
membro
Mensagens: 13366
Registrado em: 16 Abr 2009 20:40
Localização: Porto Alegre - RS- 47

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor LaercioLMB » 08 Jun 2017 23:56

Qualquer coisa é melhor que nada.
Dizer só no olho que serão eficientes é mentira, mas com um ventilador e algo que faça fumaça que passe pelas polainas, já te mostra se faz turbulência de ar ou não.
Quanto menor forem as turbulências de ar em redor delas, menor será o arrasto gerado.
Se você criticar um sábio, ele te agradecerá. Se você criticar um ignorante, ele te insultará.

Avatar do usuário
Diego Costa
Equipe E-voo.com
Mensagens: 271
Registrado em: 08 Mar 2011 12:04
Localização: Campinas - SP
Contato:

Re: Kits Mauri - Cessna 182 1200mm e Piper J3 1600mm

Mensagempor Diego Costa » 10 Jun 2017 18:19

Valeu Laercio, farei isso então ;-)

Aliás, amanhã consigo adiantar uma boa parte do aero, chegou hoje o combo que comprei na AMB :-D Agora preciso aprender como juntar tudo isso dentro do aero hehehe

PS: mesmo com rodas de borracha (mais pesadas) e o trem de pouso que fiz com PVC, fiz a pesagem de todas as peças, e "por enquanto" ficou com 588g, creio que conseguirei deixar o Aero com 700g ou menos :-D

Dinheiro não compra felicidade, mas compra peças pra aeromodelismo, o que é quase a mesma coisa... :mrgreen:


Voltar para “Construções”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes