Rádio Turnigy 9

Li-po, Li-Ion, Nimh, 1s2p, 10c...... quer aprender mais sobre o "combustivel" dos nossos modelos? Este é o local! Aqui também está aqueles esquema de carregador ou aquele ESC que estava procurando.

Moderadores: Paulinho, Alvaro Sala, benites

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Rádio Turnigy 9

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 00:29

Como outro de meus hobbies além do aeromodelismo é a eletrônica (e programação de firmwares), já tive vontade várias vezes de fazer meu próprio rádio.

Mas em vez disto decidi usar uma plataforma já estabelecida e fazer um firmware customizado, baseado no radioclone.org

Adquiri então o Turnigy 9 na HobbyKing. Só tinha mode 1, mas trocar de modo para quem já pretende alterar muito mais que isto no rádio é refresco.

Pois bem, o bichinho chegou hoje pelo correio e já comecei a analisá-lo.

Abrindo a caixa, a primeira coisa que se percebe é que só vem o essencial, ou seja, o tranmissor, o receptor, o plug de bind, e mais nada, nem manual, nem um simples folheto. Até aí tudo bem, pelo preço não dava para esperar muito mesmo.

Curioso é o aviso na caixa, em inglês errado: "please read this manul before operating".

Tirando da caixa o rádio tive algumas:
- Os sticks são de metal, com altura ajustável (mas não chega aos pés dos Futaba e Hitec por exemplo), com movimentação suave. Têm escala como em rádios mais sofisticados, mas os fins de curso não correspondem à escala, vai entender...
- A impressão geral do rádio é de plástico de boa qualidade e bem injetado;
- Ergonomia adequada, boa pegada;
- O encaixe para alça de pescoço é em metal, como em rádios de categoria superior;
- A alça também é em metal, como na linha Futaba 9 ou em todos os Futabas ou Hitec mais antigos;
- O display tem bom contraste e os menus são razoavelmente intuitivos, melhor do que muitos rádios caros que já testei.

Como é um rádio chinês genérico, não podia deixar de ter alguns defeitos, nada grave por enquanto:
- Módulo 2,4GHz não parece ter saído da mesma fábrica, o plástico parece de qualidade pior e o encaixe não solta como deveria;
- O fio da antena do módulo passa por dentro do rádio para chegar à antena, portanto para trocar o módulo é preciso dessoldar ou cortar este fio;
- Achei algumas chaves com sensação de baixa qualidade, não dão aquela sensação de firmeza que normalmente se tem ao acionar uma chave deste tipo.

Bom, liguei apenas o TX, e de cara tive um problema. Nada grave, mas algo que achei chato, mas seria bem mais chato para quem comprasse como primeiro rádio: o aviso de "switch error".

Bom, este aviso obriga que todas as chaves da frente do rádio estejam "para cima", e os de cima (próximos da antena) para baixo.

Resolvido isto dei uma fuçada nos menus, desliguei, e abri a tampa traseira tanto para mudar para modo 2 (acelerador na esquerda) quanto para iniciar a análise.

A caixa é fechada por 6 parafusos bem posicionados, fáceis de tirar.

Removendo a tampa, um cabo interliga a parte frontal e traseira, desconectando o conector ganha-se a liberdade de manusear as partes separadamente.

As placas são de fibra, a principal é dupla-face, com componentes SMD, boa construção, e montagem limpa. As soldas estão bem feitas e tudo funciona aparentemente bem.

Não gostei dos potenciômetros, para por este preço não dava para pedir muito mesmo. Basicamente, funcionam.

O que não gostei mesmo foi do cabo flex entre a placa principal e a placa onde fica a chave liga/desliga, os trims centrais e o buzzer. Não é motivo para preocupação imediata, mas se um dia isto der problema vai ser complicado, pois o resto é fácil de substituir ou consertar, mas este não.

Continuando, fiz a troca para modo 2, que basicamente se resumiu a soltar o parafuso de pressão da mola ce centro, soltar a mola, desencaixar a estrutura que faz a centralização, e encaixá-la na posição correspondende no outro stick. Fácil e rápido. Aproveitei para testar os ajustes de pressão, funcionam.

Com o rádio já em modo 2, fechei a caixa e segui com os testes. Liguei um pack de NiCd para alimentá-lo (a pinagem do conector é quase compatível com o conector de rádio Futaba. Quase porque fica frouxo e não dá contato direito, mas pelo menos a pinagem é a mesma, o que deve evitar surpresas desagradáveis.

Já a par do problema com as chaves, liguei o TX e comecei a brincar nos menus. A primeira providência foi trocar de modo 1 para 2, claro.

Aí peguei o receptor para começar a me entender com ele. Má idéia e mais incoerências...

O receptor é uma placa também bem montadinha, nada que a desabone. A antena é simples, do tipo dipolo tubular, semelhante ao Hitec 2,4GHz. Como usa salto de frequência não é essencial ter mais que uma antena, várias marcas vêm optando por esta alternativa.

Tentei conectar servos e bateria, mas a caixa não é alinhada com a placa, nada encaixa. Tive que tirar o receptor da caixa para conseguir usar. Como no caso do módulo, parece que são produtos de fábricas diferentes.

Liguei o receptor e comecei a testar. Na distância que testei obviamente funciona. Não tem problema de brown-out e mesmo em caso de reset a recuperação é rápida.

O transmissor também se recupera rápido de reset, mas desde que não haja chaves fora da posição mágica, ou ele não transmite enquanto não for ligado do jeito que ele espera. Muito temperamental, mas de qualquer jeito transmissor não foi feito para ficar ligando e desligando em vôo.

Testando TX e RX, sem surpresas, mas voltarei neste ponto quando puder fazer testes mais extensos em um modelo por exemplo.

Um adendo com relação ao preço: custou US$ 59,90 do rádio + US$29,79 de encomenda registrada internacional, somando US$ 89,69.

Os rádios HK de 7 canais custam o mesmo mas têm um display muito básico e muito menos recursos, provavelmente um horror para ajustar. Além de terem menos canais, menos memória, etc.

Portanto, este Turnigy 9 está praticamente sozinho em uma fatia do mercado.

Fora os HK, o rádio 2,4GHz mais próximo dele em termos de preço é o o Spektrum DX5e, que custa cerca de 100 dólares.

Mas o DX5e também não é nenhum primor de qualidade em geral, também enfrenta reclamações, principalmente na chave liga-desliga que dá mal contato e na antena.

Por outro lado, os módulos Assan X8 já são usados por bastante gente e são relativamente confiáveis.

Então uma boa receita a princípio é usar um destes rádios com módulo Assan. O conjunto de módulo mais 2 receptores Assan X8 sai por cerca de 90 dólares, mas são dois receptores então empata no preço de um Spektrum DX5e com um receptor adicional, mas com mais recursos, e receptores mais baratos.

Por enquanto é só, mais detalhes nos próximos capítulos.
Melhorando o mundo... uma linha por vez.

Avatar do usuário
vanderlei.doge
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 31 Ago 2008 22:21
Localização: Schroeder - Santa Catarina

Mensagempor vanderlei.doge » 25 Ago 2010 00:57

O meu esta chegando amanha pelos correios, estou ancioso, tomara que eu nao enfrente problemas sérios. Se por um acaso ocorrer algo posso recorrer a voce grande alex? fhasdihfasdui... pelo jeito vou te encher a paciencia denovo.

abraços

Avatar do usuário
floydbh
membro
Mensagens: 2184
Registrado em: 22 Fev 2010 20:13
Localização: Belo Horizonte - MG - Age: 33

Mensagempor floydbh » 25 Ago 2010 08:07

Grande Review Alex, Bem claro e imparcial!

Eu tambem comprei um para testes, assim poderei testar as incosistencias encontradas por você para verificar se foi problema de construção do lote (o caso do Rx, por exemplo) ou se é um problema genérico.

Abraços!

Avatar do usuário
valter_ribeiro
membro
Mensagens: 1892
Registrado em: 14 Dez 2009 09:05
Localização: Rio Brilhante - MS
Contato:

Mensagempor valter_ribeiro » 25 Ago 2010 12:43

Alex, bela revisão. Esse é o rádio que uso, só que com a marca FlySky. Vi algumas diferenças, mas no geral é isso mesmo. Como eu já tenho dito em vários tópicos, esse rádio é muito bom pelo que custa, nessa faixa de preço não tem concorrente em qualidade e funções. Sou da opinião que se com o tempo ele mantiver essa qualidade, é um rádio que tem tudo para ficar popular, pois tem boa construção e funcionalidades “similares” a rádios superiores, a única coisa que falta é a gente criar confiança no produto e isso só o tempo dará.
Quanto ao que você falou dos conectores do receptor no FlySky é igual, a placa fica solta dentro da carcaça, abri e com “calços” deixei-a presa, agora tá belezinha, dá para tirar e colocar os conectores sem maiores problemas;
Realmente, o material do rádio não tem nada a ver com o do receptor, parece que são feitos em lugares diferentes mesmo.
Já no caso do módulo não, no FlySky, a qualidade do plástico e do encaixe é boa também, mas o módulo do FlySky é diferente do Turnigy, a antena vai direto nele e não no rádio.
De resto, tudo igual.

Avatar do usuário
vanderlei.doge
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 31 Ago 2008 22:21
Localização: Schroeder - Santa Catarina

Mensagempor vanderlei.doge » 25 Ago 2010 12:47

Tem algum jeito de tirar essa antena dali? eu tava pensando em comprar um assan futuramente se o turnigy nao for bom, porém ja li no rcgroups que esse modulo turnigy também é bom.

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 13:30

Obrigado pelos comentários, Valter. Vou testar calçar a placa.

Vanderlei e Floyd,

Pelo que andei lendo este rádio V2 não é ruim não. Do V1 o pessoal falava mal, basicamente alcance curto para parkflyers, no V2 teoricamente se consegue um bom alcance.

Como quero tirar minhas próprias conclusões, não incluí no pedido nem receptor adicional, nem módulo Assan X8, depois que testar vou decidir o que fazer.

Vanderlei,

Teste primeiro antes de querer tirar o módulo. Em Schroeder você não terá dificuldades em fazer um bom teste de alcance, tem espaço sobrando por aí pelo que vi no Google Earth.

Para usar outro módulo eu provavelmente:
- Dessoldaria a antena da placa;
- Descolaria a cola quente que segura a antena no rádio;
- Tiraria a antena do rádio;
- Adaptaria outro tipo de encaixe (parafuso e porca por exemplo) para poder colocar ou retirar a antena no topo do rádio;
- Passaria o fio por fora do rádio, entrando por trás da caixa do módulo, e soldando novamente no módulo.

Outra possibilidade é fixar um tubo ao módulo já com a antena na ponta.
Anexos
P8240165.JPG
Parte interna, não gostei do cabo flexível entre as duas placas, ao centro, e dos potenciômetros. De resto, placa de boa aparência, soldas feitas de forma adequada, conectores molex fáceis de repor, sticks simples mas com bom funcionamento.
P8240165.JPG (71.87 KiB) Exibido 44879 vezes
P8240167.JPG
Antena presa com cola quente
P8240167.JPG (37.04 KiB) Exibido 44879 vezes
P8240170.JPG
Aviso incoerente e incorreto
P8240170.JPG (26.6 KiB) Exibido 44879 vezes
P8240162b.jpg
Alguns comentários no geral
(153.72 KiB) Baixado 42269 vezes
Melhorando o mundo... uma linha por vez.

Avatar do usuário
floydbh
membro
Mensagens: 2184
Registrado em: 22 Fev 2010 20:13
Localização: Belo Horizonte - MG - Age: 33

Mensagempor floydbh » 25 Ago 2010 13:38

Alex, não querendo avacalhar seu trabalho que até então está perfeito. Mas acabe com uma curiosidade minha: Para os testes de distancia... Pretende utilizar algum medidor ou só no modelo mesmo?!

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 14:04

Floyd,

Geralmente testo rádios em algum modelo lento, mas isto mais para receptores parkflyer com curto alcance.

Para testes de longo alcance geralmente uso failsafe, mas pelo que vi até agora este receptor não tem failsafe, e ainda não testei meu failsafe externo com ele para saber se funciona. De qualquer jeito não é muito saudável testar a 1Km de distância com um receptor que ainda não confio muito.

Então para meu teste tenho duas possibilidades:
1) Ligar o transmissor na sacana do apartamento com um PIC "injetando" sinal PPM pela conexão de cabo trainer, simulando comandos circulares, colocar um par de servos e uma bateria no receptor, e sair caminhando com ele pelo bairro. Consigo testar até 1Km de visada direta pelo menos deste jeito;

2) Ligar o receptor a um switch que alimente um relê ligado ao interruptor da lâmpada da dita-cuja sacada, e sair andando pelo bairro com o transmissor.

Como o prédio fica no alto de um morro e moro no oitavo andar, dá uma boa simulação de controle terra-ar.

Avatar do usuário
floydbh
membro
Mensagens: 2184
Registrado em: 22 Fev 2010 20:13
Localização: Belo Horizonte - MG - Age: 33

Mensagempor floydbh » 25 Ago 2010 14:36

Ou então você pode utilizar o equipamento moleculá...


Você sai andando com o receptor e pede pro [b:d5da4f9e44]moleque[/b:d5da4f9e44] ficar [b:d5da4f9e44]lá[/b:d5da4f9e44], em cima da sacada "sacana" mechendo os sticks!

sai mais barato! hehehehehe...

eu não sei não mas utilizar outro componente anexado ao rádio pode, seilá, influenciar no resultado!

Só um ACHISMO de minha parte!

Avatar do usuário
Marco Antonio
Equipe E-voo.com
Mensagens: 19379
Registrado em: 29 Dez 2003 16:51
Localização: São Paulo, SP-52

Mensagempor Marco Antonio » 25 Ago 2010 15:26

Seus Xbee mais antena estão te esperando....
Aviso: Usuário ainda mais Raivoso! Chegou 2014, daqui pra frente a coisa só piora!!! BUUUUU!!!

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 15:39

Floyd, em ambos os casos para automatizar o processo eu usaria um PIC12F629 que tem um consumo baixíssimo e trabalha em 4MHz, já analisei os sinais dele no osciloscópio e são bem limpos.

O rádio 2,4GHz trabalha em frequência é 600 vezes maior que o clock dele e o milhares de vezes maior que o sinal, então não deve afetar mais do que um bom servo faria.

O molequelá trabalha em frequência bem baixa, acrescenta variáveis aleatórias ao processo, mas também é uma boa idáia.

Avatar do usuário
vanderlei.doge
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 31 Ago 2008 22:21
Localização: Schroeder - Santa Catarina

Mensagempor vanderlei.doge » 25 Ago 2010 16:08

O meu chegou, acabei de abrir, a unica coisa que gostaria de saber é se da pra deixar os comandos um pouco mais "duros"(não se o termo correto), pois achei o stick do aileron um pouco "molenga". Quanto ao resto, está perfeito, adorei a qualidade do material.

Abraços

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 16:32

Vanderlei,

Primeiro teste o rádio por precaução.

Se estiver tudo bem para deixar os comandos mais duros você só precisa abrir os 6 parafusos que fixam a tampa traseira, e depois apertar os parafusos que empurram as molas de centralização. em cada stick.

Avatar do usuário
vanderlei.doge
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 31 Ago 2008 22:21
Localização: Schroeder - Santa Catarina

Mensagempor vanderlei.doge » 25 Ago 2010 16:59

[quote:2acef51090="alexcmag"]Vanderlei,

Primeiro teste o rádio por precaução.

Se estiver tudo bem para deixar os comandos mais duros você só precisa abrir os 6 parafusos que fixam a tampa traseira, e depois apertar os parafusos que empurram as molas de centralização. em cada stick.[/quote:2acef51090]

Opa alex, testei ele e fiquei satisfeito com ele, todas as funções estão dando certo até agora, amanha quero fazer um pequeno teste de alcance, vi no youtube que chegaram a 470 metros, porem nao me recordo se foi com o modulo que vem com ele.

Tenho uma duvida quanto ao End Point, é melhor deixar em 100% ou 120%? (duvida boba para a maioria, porém eu infelizmente nao tive oportunidade de saber a diferença)

abraços

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 17:02

Com 120% você consegue mais curso de servos, mas perde uma outra função interessante que é o subtrim. Eu prefiro 100%.

Avatar do usuário
jefersonalessandro
membro
Mensagens: 936
Registrado em: 12 Out 2008 12:35
Localização: Itauna _mg

Mensagempor jefersonalessandro » 25 Ago 2010 18:53

[quote:bb148112fe="vanderlei.doge"]ahh que bom =)

Tomara que consigamos mesmo aprovar este rádio. Se souberem de alguma modificaçao que melhore o desempenho do radio, podem informar aqui? (tal como eletronica)

abraços[/quote:bb148112fe]

Boa noite,o meu deve chegar semana que vem :D

vanderlei.doge o pessoal já estão fazendo mudanças no software

http://radioclone.org/ se tiver coragem de fazer a mudança vá em frente,veja este video,14 channel :shock:

[yt]yjtM8yJb3ho[/yt]

Abraço Jéferson
"Aeromodelismo não é só jogar o aviazinho para cima "

Avatar do usuário
vanderlei.doge
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 31 Ago 2008 22:21
Localização: Schroeder - Santa Catarina

Mensagempor vanderlei.doge » 25 Ago 2010 21:52

como faço pra atualizar ou trocar o firmware? que tipo de cabo é necessario? desculpe pelas perguntas meio "desnecessarias", porém é a primeira vez que tenho um radio destes.

Avatar do usuário
alexcmag
Equipe E-voo.com
Mensagens: 14809
Registrado em: 13 Fev 2004 12:13
Localização: Sao Paulo SP
Contato:

Mensagempor alexcmag » 25 Ago 2010 21:58

Para trocar o firmware é preciso:
- Gravador de AVR;
- Software compatível com o gravador, o site sugere o AVRdure;
- Firmware novo do radioclone.org;
- Soldar conector na placa.

Esta é uma alteração que precisa de um pouco mais de conhecimento de eletrônica, não recomendo fazer se não tiver conhecimento de eletrônica.

halley
membro
Mensagens: 86
Registrado em: 21 Jun 2010 17:28
Localização: Rio de Janeiro

Mensagempor halley » 25 Ago 2010 22:54

14 canais pega até ppv e combat


o que fazer com 14 canais?

Avatar do usuário
Franco
membro
Mensagens: 233
Registrado em: 20 Jul 2007 16:30
Localização: Centurion - África do Sul

Mensagempor Franco » 26 Ago 2010 04:07

[quote:25ab3ba519="alexcmag"]Floyd, em ambos os casos para automatizar o processo eu usaria um PIC12F629 que tem um consumo baixíssimo e trabalha em 4MHz, já analisei os sinais dele no osciloscópio e são bem limpos.

O rádio 2,4GHz trabalha em frequência é 600 vezes maior que o clock dele e o milhares de vezes maior que o sinal, então não deve afetar mais do que um bom servo faria.

O molequelá trabalha em frequência bem baixa, acrescenta variáveis aleatórias ao processo, mas também é uma boa idáia.[/quote:25ab3ba519]

Eu sempre uso esse pic nos projetos para aeromodelo. Pequeno e confiável. Quando preciso mais IOs uso o 16F648. Neste segundo a estabilizaçao do oscilador interno é muito melhor mesmo. No primeiro geralmente acabo tendo que usar cristal externo.

maroguimo
membro
Mensagens: 224
Registrado em: 09 Jun 2007 14:59
Localização: Belo Horizonte, MG

Mensagempor maroguimo » 26 Ago 2010 19:49

Pessoal, estou esperando o meu chegar. Um amigo meu que comprou um me mandou um e-mail hoje com a primeira impressão dele. Ele é aeromodelista há um certo tempo e constroi aeros muito perfeitos:

[b:067a55dde6][i:067a55dde6]"O radio parece ser um exelente radio.

Eu não cheguei a fazer muitos testes com ele, mas o rapaz q comprou esta usando ele, e gostou muito.

Os sticks dele são muito macios, parecem que os rolamentos são exelentes.

O alcance dele também não é ruim, foi feito um vôo com um aero de 1,30 e ate onde dava pra ver e tudo ok.

Mas devo fazer mais testes nele neste sábado pois vai estar na pista.

Mas achei muito bacana.

Todas as funções q um radio digital tem q ter.

Menu tranquilo de se trabalhar com ele. Fiz configuração de 2 ailerons nele sem o manual. (que é o ponto negativo, não vem)".[/i:067a55dde6][/b:067a55dde6]
Cessna 182/500 ArtTech | Multiplex Easy Star | Cessna Mauri | PT-19 | CopterX 450 SE V2 | HK 450 GT | Spektrum DX6i | Turnigy 9x

Avatar do usuário
Vinicius Salmazo
membro
Mensagens: 62
Registrado em: 15 Ago 2010 18:12
Localização: Fernandópolis - SP

Mensagempor Vinicius Salmazo » 26 Ago 2010 21:04

Alex, ele tem saida para simulador né? Qual é o plug?

Valeu... Estou gostando muito deste forum!!!

Avatar do usuário
jociel luciano
membro
Mensagens: 2293
Registrado em: 15 Nov 2004 21:30
Localização: Brasilia DF
Contato:

Mensagempor jociel luciano » 28 Ago 2010 02:12

[quote:1d3d094dbb="Vinicius Salmazo"]Alex, ele tem saida para simulador né? Qual é o plug?

Valeu... Estou gostando muito deste forum!!![/quote:1d3d094dbb]o plug é tipo esses de fone de ouvido.

valeu
o dificil nao é subir e sim ficar lá em cima....

Canal 13 72.050MHz

loveaircraft@hotmail.com

Avatar do usuário
Farleytufao
membro
Mensagens: 1933
Registrado em: 07 Jul 2010 12:47
Localização: Betim MG

Mensagempor Farleytufao » 28 Ago 2010 10:01

[quote:8e8d8b8eb7="jociel luciano"][quote:8e8d8b8eb7="Vinicius Salmazo"]Alex, ele tem saida para simulador né? Qual é o plug?

Valeu... Estou gostando muito deste forum!!![/quote:8e8d8b8eb7]o plug é tipo esses de fone de ouvido.

valeu[/quote:8e8d8b8eb7]

Plug P2 ou Jack 3.5
Vejo muitos cães que latem e não mordem...
Vejo muitos que mordem e não latem...
Basicamente isso...

Avatar do usuário
Vinicius Salmazo
membro
Mensagens: 62
Registrado em: 15 Ago 2010 18:12
Localização: Fernandópolis - SP

Mensagempor Vinicius Salmazo » 28 Ago 2010 11:25

Obrigado!!! Eu poderia usa aquele cabo (p2 - USB) que vem nos modelos da art-tech?

Obrigado pela ajuda.


Voltar para “Baterias, carregadores, rádios e eletrônica”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 9 visitantes