Regra de corrente no sistema

Qual o motor certo para qual modelo, qual hélice para tal redução, quantas voltas de fio em tal brushless.

Moderadores: Alvaro Sala, benites

leospaulo
membro
Mensagens: 10
Registrado em: 05 Nov 2011 16:29
Localização: sao paulo

Regra de corrente no sistema

Mensagempor leospaulo » 15 Nov 2011 18:42

Olá amigos,
Estou aprendendo sobre aeromodelos elétricos e tenho uma dúvida que deve ser pertinente a muitos outros novatos.
Quero fazer um sistema de propulsão com uma bateria 6S 20C 5000mh, um ESC de 60A, e um motor que funciona com máximo de 40A, porém aceita pico de 50A, durante 15 segundos.
Minha pergunta: Ligando todo o sistema, e aplicando Full Throttle no transmissor, eu teria 40A de corrente entregue ao motor ? ou 50A ? ou 100A, já que minha bateria seria capaz de entregar 100A ? Poderia ficar em full Throttle por mais de 15 segundos ?
Obrigado,
Leonardo

cleyvison
membro
Mensagens: 45
Registrado em: 29 Dez 2010 01:00
Localização: brasilia-df

Re: Regra de corrente no sistema

Mensagempor cleyvison » 15 Nov 2011 18:57

[quote:54e424d648="leospaulo"]Olá amigos,
Estou aprendendo sobre aeromodelos elétricos e tenho uma dúvida que deve ser pertinente a muitos outros novatos.
Quero fazer um sistema de propulsão com uma bateria 6S 20C 5000mh, um ESC de 60A, e um motor que funciona com máximo de 40A, porém aceita pico de 50A, durante 15 segundos.
Minha pergunta: Ligando todo o sistema, e aplicando Full Throttle no transmissor, eu teria 40A de corrente entregue ao motor ? ou 50A ? ou 100A, já que minha bateria seria capaz de entregar 100A ? Poderia ficar em full Throttle por mais de 15 segundos ?
Obrigado,
Leonardo[/quote:54e424d648]

Caso eu esteja errado por favor, foristas de plantão me corrijam.

Amigo, se o seu motor trabalha com 40A e picos de 50A, são estes valores que você terá em seu sistema. Pois a bateria não "entrega" corrente "de graça" ela fornece o que o circuito demanda.

Com relação ao tempo se o seu equipamento é projetado para funcionar por "X" tempo em um pico de corrente, não seria uma boa prática utilizá-la por um tmepo maior que o sugerido... ele pode até segurar algumas vezes, mas você estará saturando seu equipamento, sem necessidade, e um dia (senão no primeiro) ele "abre".

E caso consiga atingir 100A creio que terá que providenciar outro ESC e outro motor......

leospaulo
membro
Mensagens: 10
Registrado em: 05 Nov 2011 16:29
Localização: sao paulo

Mensagempor leospaulo » 15 Nov 2011 20:00

Obrigado pela ajuda cleyvison,

Mas voce esclareceu apenas parte da minha dúvida.
Em Full Trottle o sistema funcionará em 40A ou 50A ? ( Max current capacity: 50A/15sec )

Se eu quiser deixar em "Full Trottle" o motor funcionando um pouco "over power" a 50A apenas para uma curta decolagem por exemplo, como eu faço se em "FT" ele fucnionará a 40A ?

Espero estar sendo claro.

Obrigado,

Leonardo

Avatar do usuário
HellByker
membro
Mensagens: 122
Registrado em: 23 Fev 2011 19:42
Localização: Santa Gertrudes - SP / 31

Mensagempor HellByker » 15 Nov 2011 20:56

A sua bateria vai fornecer o que o sistema precisar, até o limite que ela permite (capacidade em mAh x "C"). Acima disso a bateria vai ser danificada (esquentar e inchar)

O seu ESC vai "deixar passar" por ele a corrente que o motor exigir, até o limite máximo permitido (capacidade de corrente dela em Ampere, por tempo contínuo ou então a capacidade máxima pelo tempo indicado, no caso 15s).
Acima disso seu ESC vai aquecer e provavelmente desarmar (desligar) ou se danificar definitivamente.

O motor vai puxar a corrente exigida para movimentar a hélice o quanto você solicitar pelo stick do acelerador (sendo que a rotação máxima será definida pelas caracteristicas do motor), até o limite máximo que ele permite. Caso você coloque uma hélice pequena, de pequeno passo, ou pouca aceleração do motor, a corrente necessária será pequena e não atingirá a capacidade máxima do motor.
Conforme você aumenta o tamanho da hélice, do seu passo, ou da aceleração o motor precisará de mais corrente para girar a hélice, e por isso pode atingir a corrente máxima do motor, e com isso o mesmo irá aquecer, podendo estragar o isolamento interno, desmagnetizar os imãs, ou até mesmo curto-circuitá-lo internamente.

Caso tenha falado algo errado, espero que o pessoal mais vivido corrija para não ficar coisa errada aqui no fórum... ;)

Carlos

claudiorfoi
membro
Mensagens: 14906
Registrado em: 10 Set 2005 20:22
Localização: Campo Grande, MS

Mensagempor claudiorfoi » 15 Nov 2011 21:06

A corrente do motor depende da hélice que você usar.

Avatar do usuário
gustavospell
membro
Mensagens: 76
Registrado em: 10 Jun 2008 22:00
Localização: Porto Alegre - RS

Mensagempor gustavospell » 15 Nov 2011 21:16

É o tamanho da hélice que define a corrente que será consumida pelo seu motor.

Verifique as hélices especificadas para seu motor e faça testes, começando com a menor preferencialmente. O ideal é medir a corrente consumida, principalmente quando as correntes e potências começam ficar maiores, mas caso não tenha o equipamento, faça os testes monitorando o aquecimento do motor.


Voltar para “Sistemas de Propulsão - Elétricos”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes